topo
Atibaia/SP
RSS  Twitter  Facebook 

Grupo JC
Acesse também:
Colunas deste autor:


Leia também:
Você está aqui: Home › Colunas › Gilberto Santanna
Aumentar fonte Diminuir fonte Imprimir
0
CompartilharTwitter Facebook Orkut
08/05/2018

O jornal literário Tentativa

 

O jornal “Tentativa” marcou época. Transcendeu fronteiras. O crítico literário Osvaldo Duarte, a propósito, escreveu :

 “Criado pelos poetas André Carneiro, Cesar Mêmolo Jr. e Dulce Carneiro, “Tentativa” foi publicado em Atibaia, interior de São Paulo, entre abril de 1949 e maio de 1951, em treze edições bimestrais, sendo as duas últimas comandadas apenas de Cesar Mêmolo. Chama-nos logo a atenção o elaboradíssimo plano editorial encetado: uma matéria de primeira página e outra, eventualmente fechando cada número do jornal, servem literalmente como baliza de opinião. Nestas páginas há sempre um nome de relevo, seja da geração nova, como Domingos Carvalho da Silva, Lorival Gomes Machado, Cassiano Nunes ou André Carneiro, seja das gerações mais antigas com seus autores já consagrados como Sérgio Millet e Oswald de Andrade ou em processo de consagração, como Murilo Mendes e Otto Maria Carpeaux. Aparecem ainda, compondo a extensa lista de colaboradores, nomes como Guilherme de Almeida, Graciliano Ramos, José Lins do Rego, Henriqueta Lisboa, Vinícius de Moraes, Lêdo Ivo, Emílio Moura, Lygia Fagundes Teles, Autran Dourado, José Paulo Paes, Décio Pignatari e muitos outros, com colaborações inéditas e especiais”. (Osvaldo Duarte era doutor em Letras e professor de Teoria da Literatura na Unesp . Autor de Abri, abriste, abreu. São Paulo: Atual Editora e Estudos: dois poetas da geração de 45).

Waldomiro Franco da Silveira escreveu “História de Atibaia”, um compêndio de fatos, narrativas e crônicas, obra publicada em 1950. Joviano Franco da Silveira reuniu suas poesias no livro “Porém, morrer na juventude”. João Batista Conti, ex-prefeito do município deixou escritos sobre a História da gente atibaiense e folclore, reunidos em diversos volumes editados pela Prefeitura de Atibaia.

“ A primeira grande manifestação literária atibaiense aconteceu no eito do jornal TENTATIVA, organizado pelos irmãos André e Dulce Carneiro, com a participação de César Mêmolo Júnior, em 1949, que contou com a colaboração de renomados escritores nacionais e estrangeiros, dentro os quais Menotti Del Picchia, Graciliano Ramos, Vinicius do Moraes e Fausto Cunha. A primeira edição foi apresentada por Osvald de Andrade”. (Sant´Anna, Gilberto – Terra de Jerônimo – 2004 – pág. 81).

A publicação de Tentativa sofreu a censura imposta pelo governo Eurico Gaspar Dutra, contestada sutilmente nas pequenas notas entre as colunas do jornal.

A propósito, a Prefeitura Municipal de Atibaia, através da Secretaria de Cultura, edita a 5ª Semana André Carneiro, a transcorrer de 05 a 11 de maio corrente ano de 2018, na sede do CCAC, situada na praça da Igreja Matriz, esquina com a rua José Lucas. (a das duas igrejas). 

O evento pretende divulgar o nome e a obra do literato e artista plástico André Carneiro, nascido em Atibaia em 1922, à época da Semana de Arte Moderna realizada no Teatro Municipal de São Paulo. Aqui morou até 1964, quando, vítima de perseguição política pela ditadura civil-militar , mudou-se para a cidade de São Paulo e depois Santos –SP. Tratava-se apenas e tão somente de um cidadão com ideias progressistas, defensor intransigente dos ideais democráticos.

 

A mostra propõe a participação de artistas locais e regionais, voltados às áreas da literatura, cinema, fotografia e artes plásticas, através do concurso denominado 1º Premio Semana André Carneiro de Literatura – categoria poesia. Ocorrerá premiação em dinheiro. 

.

 “Na abertura oficial do evento serão aberta as exposições Colagens/Poemas e EspaçoPleno. Serão lançados dois números dos Cadernos da Semana e teremos o espetáculo musical O Brasil do André, de Juliana Gobbi e Gilberto Sant’Anna, com a participação do músico Flávio Rodrigues e da cantora Cristiane Barbosa. No domingo a tarde, às 17 horas, é a vez da Leitura Dramatizada - com Silvia Mazulo, sobre a obra do homenageado, além de uma performance do Corpo Municipal de Dança de Atibaia. A Semana continua com a oficina André na Rua - com Thiago Cervan, Palestra - com o editor Silvio Alexandre, Cinema Comentado - com Josete Monzani, e Debate, com a presença de amigos, artistas e admiradores do artista”, informou o curador Márcio Zago.

O encerramento da programação exibirá o vídeo Coleção Centenário Oswald de Andrade, com depoimento de Dulce Carneiro, de renome internacional, narrando acerca da influência de Oswald em sua carreira.

“Dulce, irmã do André Carneiro, é a homenageada dessa edição. Dulce foi poeta, fotografa e jornalista de moda. Ela fez parte de um grupo de artistas formado na década de quarenta/cinquenta em Atibaia que produziu, ao lado do irmão e do amigo César Mêmolo Junior, o nosso maior patrimônio cultural erudito: O jornal Literário “Tentativa”, concluiu Márcio.

A participação do público atibaiano em todo transcorrer da 5ª Semana André Carneiro torna-se essencial para o fortalecimento das artes e da literatura em terras jeronimianas. Espero por todos. 

Gilberto Santanna
gilbertosant@terra.com.br

Gilberto Sant´Anna é advogado e ex-prefeito de Atibaia.

Contato: gilbertosant@terra.com.br


Publicidade
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Seja o primeiro a comentar!
Rodapé